Quem Somos
A Sociedade Amigos do Projeto Leonilson é uma sociedade civil sem fins lucrativos, fundada, em 1993, por amigos e familiares do artista, dirigida por conselho consultivo, que atua sem remuneração e funciona, oficialmente, desde 1995.
Tem como missão a preservação cultural a partir do legado de Leonilson e da catalogação e propagação de sua obra. Realiza atividades de pesquisa, catalogação e divulgação de vida e obra do Leonilson, rastreia e localiza novas coleções de obras do artista no Brasil e no exterior, registra toda a bibliografia relacionada, organiza e produz material iconográfico.
Pratica política de divulgação de obra do artista a partir da administração dos direitos autorais e de uso de imagem, e de empréstimo de obras, além de serviços assessoria, apoio e produção a diversas instituições culturais promotoras de exposições no Brasil e no exterior.
Intermedia e incentiva doações e aquisições de trabalhos por renomadas instituições museológicas brasileiras e internacionais.
Procurada por interessados em arte do Brasil e exterior, a Sociedade Amigos do Projeto Leonilson é considerada como centro de referência de estudo e informações sobre vida e obra do artista.
Possui um banco de dados alimentado constantemente que tem, atualmente, cerca de 3800 trabalhos catalogados, entre desenhos, bordados, pinturas, assemblages, instalações, objetos, estudos e projetos; aproximadamente 600 exposições e eventos registrados, uma bibliografia com cerca de 3800 itens e 500 coleções catalogadas (entre públicas e privadas).
Possui um rico acervo documental digitalizado entre bibliografias e arquivo pessoal, além de mais de 3000 imagens de obras registradas profissionalmente, disponíveis em alta resolução. Como forma de atender à demanda do público, o Projeto Leonilson disponibiliza os resultados de suas pesquisas a curadores, estudantes, pesquisadores e interessados em geral, auxiliando-os e municiando-os com materiais específicos, impressos ou digitais, propiciando, assim, condições de conhecimentos amplos acerca do artista e sua obra.

DESCRIÇÃO E IMPORTÂNCIA DO ACERVO

O acervo da Sociedade Amigos do Projeto Leonilson é um acervo múltiplo: artístico, biográfico, bibliográfico e documental, contando com os mais diversos itens e peças que testemunham não só a trajetória do artista, mas o período em que viveu e a singularidade social, política e cultural dos anos 1980 e início dos anos 90.
Suas obras alcançaram grande reconhecimento artístico no universo das artes, o que prova sua inclusão em museus e coleções de arte contemporânea em todo o mundo além das inúmeras exposições em que figuram e da bibliografia dedicada ao artista.
São consideradas fundamentais à compreensão da arte realizada no Brasil no período e podem, ainda, ser tomadas como registro da visualidade e práticas de uma geração.
O Projeto Leonilson tem sob sua guarda o acervo pessoal de Leonilson composto por biblioteca, coleção de brinquedos e objetos, agendas e cadernos, documentos, coleção de obras de outros artistas, fotografias, materiais de trabalho, correspondências e textos. O arquivo pessoal é de extrema importância no trabalho de pesquisa e catalogação da vida e obra de um artista.
É partir desse material que pode-se desvendar a genética da obra do Leonilson, seus procedimentos e experimentos artísticos e o desenvolvimento de seu trabalho.

PROJETOS E PARCERIAS

No decorrer dos anos, o Projeto Leonilson contou com importantes apoios e parceiros na realização de seu trabalho e divulgação da obra do artista.
No período de 1997 e 1998 teve seu primeiro projeto com patrocínio externo aprovado, assim, realizou, mediante a Lei Mendonça e verba da LINC, a fotografação e catalogação de parte significativa de obras do artista. Bem como adquiriu equipamentos e contratou profissionais responsáveis pelo levantamento e administração da documentação fotográfica.
Entre os anos de 1999 a 2003, estabeleceu parceria com o Instituto Itaú Cultural, trabalhando na primeira parte da digitalização das imagens profissionais das obras do artista.
Em 2006 o Projeto Leonilson atuou de maneira intensa na reivindicação pela restauração da única obra pública do artista, A torre na praia, localizada na Praia de Iracema, em Fortaleza, CE.
Com patrocínio da Prefeitura de Fortaleza a obra foi restaurada e reinaugurada. A parceria com o Instituto Itaú Cultural foi retomada no ano de 2010, a fim de finalizar os trabalhos de digitalização de cromos de obras; incluindo, nesta etapa, a digitalização e fotos dos objetos do arquivo pessoal, agendas e cadernos, correspondências, textos autorais e parte da bibliografia disponível sobre o artista (artigos em periódicos, livros e catálogos).
Ainda como parte da parceria, foram realizadas 1.500 novas fotos profissionais de obras do artista. Em 2015 recebeu patrocínio direto da Fundação Edson Queiroz para a realização do Catálogo Raisonné do artista.

FILMES E LIVROS

O Projeto Leonilson em parceria com autores e editoras publicou os livros: Leonilson: são tantas as verdades, de Lisette Lagnado (1ª ed., São Paulo: Sesi/Projeto Leonilson, 1995. / 2ª ed., São Paulo: DBA/Melhoramentos/Projeto Leonilson, 1998); Use, é lindo, eu garanto, com texto de Ivo Mesquita e Bárbara Gancia (1ª ed., São Paulo: Cosac & Naify/Projeto Leonilson, 1997. / 2ª ed., 2006); Leonilson: o gigante com flores, de Renata Sant’Anna e Valquíria Prates (São Paulo: Paulinas, 2007); Leonilson sob o peso dos meus amores (Fundação Iberê Camargo / Itaú Cultural / Projeto Leonilson); e Leonilson: Truth, Fiction, org. Adriano Pedrosa (Pinacoteca do Estado de São Paulo / Editora Cobogó). Apoiou a realização do curta-metragem Com o oceano inteiro para nadar, com direção de Karen Harley, produzido pela RioArte, em 1997; dos dois documentários O legado de Leonilson e Tantas as verdades, ambos com direção de Cacá Vicalvi, produzidos pela Documenta Vídeo Brasil, em 2003; do curta Leonilson, Sob o Peso dos Meus Amores (2013), e do longa A paixão de JL (2015), ambos com direção de Carlos Nader e produção do Instituto Itaú Cultural.


© Copyright - Todos os direitos reservados - Projeto Leonilson